Sala de aula invertida: saiba mais sobre a metodologia

Elsevier

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhar:  
sala de aula invertida

O processo de aprendizagem vem passando por muitas mudanças ao longo dos anos, e a sala de aula invertida é considerada como uma inovação na metodologia aplicada, proporcionando benefícios aos alunos e professores.

A forma de engajar e criar vínculo motivacional entre estudantes e docentes está se adaptando às novas formas de ensino, sendo assim, fica mais fácil alcançar os resultados esperados quando falamos de testes e avaliações.

Para muitos, a sala de aula invertida pode parecer utópica, mas ao olharmos a interação após sua utilização, podemos chegar à conclusão de que conteúdos podem ser compartilhados de diferentes formas.

Afinal, o que é sala de aula invertida?

Você já se imaginou tirando dúvidas, aplicando exercícios e explicando matérias que não foram lecionadas por você?

A sala de aula invertida possibilita que matérias sejam estudadas e analisadas previamente, quando o aluno tem acesso aos materiais diretamente em sua casa, sem a necessidade de leituras na sala de aula física.

Ao aplicar essa metodologia, as aulas se tornam mais participativas, pois, alunos que apresentarem dúvidas, farão seus questionamentos, levantando discussões com o teor teórico do que já foi estudado. O professor passa a ser um tutor.

Sendo assim, o tempo e o conhecimento podem ter um aproveitamento ainda melhor, uma vez que os alunos não serão mais um elemento passivo para o ensino, estarão interagindo de forma concreta.

A teoria sendo aplicada em casa, faz com que os estudantes levem à sala de aula um conhecimento prévio sobre os assuntos tratados, fazendo com que o compartilhamento de informações se torne algo muito mais natural.

A interatividade do ensino EAD permite acesso a conteúdos e materiais complementares a qualquer hora, dia ou lugar, através de dispositivos móveis ou computador.

Isso possibilita que informações cheguem até eles de forma mais rápida, fácil e até mesmo segura, uma vez que as pesquisas serão voltadas para um ambiente acadêmico.

Controlar como o estudo é realizado, e sua dinâmica, torna mais fácil a adaptação do aluno, pois ele será capaz de escolher a forma mais conveniente para a absorção do conteúdo, acompanhando seu ritmo de aprendizado.

Repassando o que vimos neste post

  • A sala de aula invertida como nova metodologia;
  • Estudo prévio das matérias através da sala de aula invertida;
  • O professor como tutor em sala de aula;
  • A interatividade como atrativo;
  • Engajamento através de nova dinâmica.

Compartilhar: